Lucifer tem uma jornada curiosa na TV norte-americana. Estreou na Fox em 2016; foi cancelada após três temporadas; depois resgatada pela Netflix após muitas campanhas de fãs Aí anunciaram que ia chegar ao fim em seu quinto ano; até que mudaram de ideia e será encerrada na sexta temporada. Tem sido uma louca viagem para seu público fiel, responsável por manter a série no ar. Mas nem todo mundo é fã da série de Tom Ellis…

Recentemente, o autor Neil Gaiman compartilhou uma imagem do elenco de Lucifer lendo o primeiro capítulo da série (inicialmente divulgada pelo showrunner Joe Henderson), em clima de nostalgia, já que a produção da sexta temporada se encaminha para o final. Nela, o cultuado escritor agradece, em tom de brincadeira, ao grupo que tentou boicotar a série em seu lançamento, intitulado One Million Moms. Mas quem é esse pessoal? Calma que o #DZN relembra essa história.

Quando foi anunciada a produção de Lucifer, uma série inspirada nas HQs de The Sandman, um sucesso de Gaiman, logo ficou claro que o projeto ia incomodar certas pessoas — por envolver temas religiosos com entretenimento. Na época, um grupo conservador de análise de cultura, o One Million Moms, se declarou contra o show, publicamente. Segundo elas, o projeto descaracteriza a figura de Satã, além de fazer piada com a bíblia.

O grupo ainda foi além e começou uma petição desejando o cancelamento de Lucifer. No final das contas, a campanha recebeu 11 mil assinaturas — o que não assustou os produtores responsáveis pela série. Em resposta, Gaiman declarou que seus personagens de The Sandman já tinham um histórico com censura, pela presença de figuras LGBTQ em suas histórias, mas ninguém impediu a continuação da obra.

LUCIFER VAI ENCERRAR SUA JORNADA NA 6ª TEMPORADA

Hoje em dia, Neil Gaiman agradece a divulgação gratuita de Lucifer que o One Million Moms fez, rindo daqueles que tentaram cancelar a série por sua temática. “Um obrigado extra para o One Million Moms por tentar, de forma veemente, banir a série. Quando vocês boicotam e se posicionam contra algo é como uma garantia mágica de que irá florescer e crescer. Espero trabalhar com sua mágica em breve com Sandman.”

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?