O prefeito de Santos, Rogério Santos (PSDB) utilizou as redes sociais para lançar um novo apelo ao público nesta quinta-feira (25). O número de pacientes internados por covid-19 na cidade aumentou, e a taxa de utilização de leitos de UTI chega a 90%.

“Hoje, mais 31 pessoas foram internadas em UTIs. A média, mesmo nesses momentos mais graves, era de 12 pessoas por dia. Está piorando e muito”, disse o prefeito. Segundo o chefe do Executivo municipal, a prefeitura tem trabalhado em busca de equipes de saúde, oxigênio e medicamentos. “Cada minuto é uma guerra para abrir novos leitos de UTI, mas estamos perdendo essa guerra”, completou.

Sobre o lockdown, que está em vigor na Baixada Santista desde terça-feira (23), o prefeito de Santos afirmou que ainda vê gente quebrando as regras e pede cooperação. “Fizemos um lockdown e mesmo assim permitimos algumas atividades. Muitos estão cumprindo, outros pensam que é brincadeira, com máscara no queixo, não usando máscara, usando transporte público, quando este deveria ser para as pessoas de serviços essenciais, para passear. A situação é muito séria”.

Rogério afirmou ainda que, por meio de câmeras de segurança espalhadas pela cidade, cidadãos foram  flagrados derrubando gradis e tirando as cercas separam a praia do calçadão. O prefeito também disse que os cemitérios da cidade estavam sobrecarregados.

“Quantas pessoas mais precisam morrer para que algumas vejam que estamos perdendo essa guerra para o covid-19? Não serei irresponsável e não serei omisso diante desse crime contra a vida. Eu preciso de você, preciso de todos como aliados, para que a gente consiga encarar essa verdadeira guerra contra o covid”, disse.

O prefeito concluiu que os combates ocorreram em hospitais, e não nas ruas, e pediu que as pessoas prestassem mais atenção às regras de combate à pandemia. “Nesse momento, as pessoas não estão morrendo na rua, o campo de batalha se dá dentro de UTIs, dentro de enfermarias. O inimigo invisível está nas ruas, mas o campo de batalha, insisto, está em hospitais. Estamos chegando a um momento que todo o nosso trabalho irá por água abaixo se eu não tiver a sua ajuda, a ajuda de todos. Por favor entendam, o momento é gravíssimo”.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?