O prefeito de São Vicente, Kayo Amado, fez uma live no final da noite deste sábado (10) para anunciar as novas medidas publicadas no decreto 5512-A, que nortearão o funcionamento do comércio em São Vicente, a partir da próxima segunda-feira (12), quando o Estado de São Paulo volta para a fase vermelha de restrições para conter o avanço da Covid-19.
Kayo Amado disse que não concorda com o termo “não essencial”, pois “todas as atividades são essenciais para quem trabalha”. Por isso, no decreto, prevalece a classificação de atividades estritamente essenciais, essenciais e demais estabelecimentos.
Entre as novidades, o comércio vicentino irá funcionar em dias alternados, de acordo com o número do estabelecimento. Lojas cujo endereço cadastrado no alvará de funcionamento têm número par abrirão em dias pares. Já as lojas com número ímpar só trabalharão em dias ímpares.  A regra vale, inclusive, aos domingos. A medida visa reduzir em 50% a circulação de pessoas no centro comercial da Cidade.
Todos os estabelecimentos deverão cumprir as exigências do protocolo sanitário descrito no Anexo II do decreto, como aferição de temperatura na entrada, álcool gel, controle de acesso e distanciamento social.
Supermercados poderão funcionar sem restrição de horário, mas o decreto recomenda que o período entre 6h e 9h seja destinado, preferencialmente, para pessoas a partir dos 60 anos, gestantes e pessoas com deficiência.
Praias estarão liberadas para atividades físicas e esportivas individuais. Segue proibida a colocação de guarda-sol, tenda, cadeira de praia e barracas.
Restaurantes, quiosques e lanchonetes atenderão em esquema de delivery, drive-thru e take away  (retire e leve).
Escolas particulares também têm funcionamento liberado a partir do dia 12, assim como as atividades religiosas.
Continua valendo o toque de recolher das 20h até às 5h do dia seguinte com a recomendação para que a população só saia de casa se for estritamente necessário.
O prefeito Kayo Amado explicou ainda que é preciso pensar com racionalidade em relação ao Plano SP do Governo do Estado. “Buscamos ajustar a fase vermelha com um novo olhar para o Plano. A ideia é atenuar os impactos financeiros no comércio local, que é o pilar da economia vicentina”.
Confira as regras do novo decreto e seus anexos no link https://www.saovicente.sp.gov.br/publico/include/download.php?file=3163 
Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?